quinta-feira, 18 de abril de 2013

Assusto, e isso é complicado...

Não sei o que os 'meninos' querem,

Se a menina é muito recatada, ela primeiro é criticada e em seguida vira troféu. O cara só sossega quando pega e sai falando por aí.

Se a menina é cabeça aberta, já viveu algumas experiências que possibilitou a ela a arte da escolha, os caras acham que ela vai topar qualquer coisa e quando não topa, é rotulada também.

Voltando ao ponto principal, sou assim, e não sei se quero mudar. Troco ideia com todo mundo, em 99% das vezes não encaro nada com preconceito. Sou amiga de homem, de trocar ideia de homem de igual pra igual. Sou amiga das mulheres que querem somente ser minhas amigas,  já as que querem disputar comigo, ou simplesmente bisbilhotar minha vida, não faço questão da companhia. Triste realidade essa falta de união das mulheres, mas fazer o que?

Enfim, o fato de trocar ideia, ter a mente aberta, não quer dizer que tudo que aparecer na minha frente é lucro. Sou sim, dona dos meus atos e pago bem caro diante da 'sociedade' ao viver o que prego. Portanto, só faço o que estou afim e nada muda minha opinião.

Tenho meus momentos de neurose como toda e qualquer mulher, e exercito o auto controle o máximo que posso. Respeito a todos e quero ser respeitada também.

Essa sou eu, só cola em mim quem me suportar...